Um ótimo lugar para se hospedar em Paris

7 Comentários Share:

Atualizado em 23 de novembro de 2021 por Thiago Khoury

Update: 16 de dezembro de 2016

Um dos bairros que gosto mais é o Le Marais, uma região super boêmia, cheia de restaurantes de esquina, padarias de bairro e uma arquitetura incrível, muito parecida com a ideia que eu tinha de Paris antes de conhecê-la.

Onde ficar em Paris

Dica de hotel barato em Paris

Hotel Paris Rivoli, na Rue de Rivoli, entre as estações Saint-Paul (Le Marais) e Hôtel de Ville.

É um hotel pequeno e extremamente charmoso. Os quartos são grandes e muito bem equipados, inclusive o banheiro.

Por que escolher o Hotel Paris Rivoli? Pela localização e pelo preço.

Pontos negativos: a recepção e o elevador do Hotel Paris Rivoli são bem pequenos, mas isso não me incomoda. No mais, é um hotel antigo que foi recentemente renovado.

Pontos positivos: a localização é fantástica, não deixe de experimentar todos (e não se esqueça de nenhum!) dos restaurantes localizados a poucos metros do hotel em direção ao Hôtel de Ville. A simpatia e o inglês dos funcionários são surpreendentes. O quarto é enorme, a cama é gostosa e todos os quartos com vista para a rua possuem varanda, que em Paris é o ápice do conforto!

Outras possibilidades: o Hotel Paris Rivoli está na extremidade do bairro Le Marais, em uma avenida de mão única, a Rue de Rivoli. Você pode se aventurar pelos hotéis no interior do bairro, onde você vai encontrar os melhores restaurantes “de esquina” de Paris.

Por outro lado, um amigo tentou me convencer a conhecer o Hôtel des Trois Collèges, em uma outra região da cidade bem charmosa, próximo ao Quartier Latin e ao lado da Sorbonne.

Já sabe onde ficar na Europa? Muita gente fica insegura antes escolher onde ficar porque gostaria de ter o máximo de informações possíveis sobre determinado lugar. Para ajudá-lo, essas são algumas das experiências que tive na Europa:

Amsterdã: Max Brown Barcelona: Hotel Curious Berlin: Adina Apartment
Bruxelas: Hotel La Grand Cloche Dublin: Paramount Hotel Edinburgh: Palace Residential
Frankfurt: Hotel Scala Lisboa: HF Fenix Garden Hotel Londres: Hotel St. Giles
Munique: Hotel Demas City Paris: Hotel Paris Rivoli Praga: Hotel Bile Kuzelky
Roma: B&B da Marlene Viena: Hotel das Tigra

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar em Paris? Selecionei algumas opções no Marais, que é o bairro que gosto mais, inclusive indico o Hôtel Duo que é super bem localizado e tem ótimo custo-benefício. Para quem curte, selecionei também algumas opções no Quartier Latin.

  Já contratou o seguro de viagem? Seguro é obrigatório na Europa! O buscador Seguros Promo é parceiro do blog e oferece até 10% de desconto para nossos leitores, além de parcelar em até 12x no cartão. Se tiver alguma dúvida, fale comigo!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip europeu com internet boa de verdade - e através do nosso link exclusivo você leva 10% de desconto! Se precisar, entre em contato comigo.

  Para alugar carro na Europa pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez através da Rent Cars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português e dividem em até 12x no cartão ou com desconto no boleto.

Previous Article

Um roteiro de três dias em Paris

Next Article

Para começar a rodar em Paris

Agora dá uma olhada nesses aqui:

7 Comentários

  1. Fiquei em Paris na Suite Novotel em Porte de la Chapelle, um hotel novo, barato, super limpo e bonito, o meu quarto era grande e super confortável, o banheiro limpo com banheira e chuveiro separados. As camas eram muito confortáveis e os funcionários bem educados e solícitos. O metrô fica pertinho uns 200m.
    O hotel não possui café da manhã, o que é normal… Só a lojinha do próprio hotel onde você pode comprar seu pão e café, mas tinha uma padaria charmosa e barata em frente ao metrô, com baguetes e croissants divinos.
    Fiquei 3 dias, minha irmã que mora em Amsterdam faz tempo e já conhece bastante Paris foi a minha companheira e guia.
    A localização é meio perigosa, dependendo do horário, passamos um mini susto no segundo dia quando chegamos 1h e saiu do nada um cara estranho, mas eu agarrei na mão da minha irmã e saímos correndo, nada aconteceu.
    Recomendo o Hotel e ficaria novamente, bom, bonito, confortavel, limpo e barato.
    Ah fui no inverno, em Dezembro de 2011

  2. Fiquei hospedada no Le Village em Agosto e Setembro de 2011, quando fazia meu mochilão pela Europa, e adorei! Montmartre é um bairro lindo, charmoso, incrível! Ia tranquilamente até o mercado, e na pizzaria da região a pé e a noite. Não senti medo, mas a verdade é que cruzamos sim com algumas pessoas estranhas no caminho, é bom ficar de olho! Mas sem dúvida, foi um dos bairros que mais me agradou em Paris. Recomendo o albergue, que é incrível e bem limpo e organizado. E para quem está por ali, vale uma ida ao charmoso café do filme Amelie Poulan, e tomar o chocolate quente, que é bem gostoso!

          1. Obrigado mas gostaria também de saber se é fácil desse hotel ir até o aeroporto CDG (ouvi falar num ônibus da Air France mas não sei onde pegá-lo)…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*