Como todo bom turista em Dublin: minha passadinha na Guinness Storehouse

dublin-guinness-storehouse-09-02jpgTem coisa que é impossível deixar de fazer, como ir a Dublin e não passar pelo armazém da Guinness, uma das atrações mais famosas da Europa.

Sempre tive preguiça desses programinhas obrigatórios, esses que quando não são feitos acabamos ouvindo de alguém que nossa viagem não foi completa, sabe como?

O ponto positivo é que a Guinness de Dublin é sim um passeio legal, mas como toda atração celebridade é cara, cheia e tem gente que só está ali por que acredita que existem lugares “que a gente não pode deixar de ir”.

Em alguns momentos você tem a nítida impressão de que a maior parte daquelas pessoas sequer gostam de cerveja.

Guinness Storehouse é uma atração para cervejeiros, você não precisa ser nenhum grande mestre cervejeiro para ir, mas vamos combinar que pelo menos um entusiasta é aconselhável que você seja.

Como ir para Guinness Storehouse em Dublin

Fui caminhando da minha dica de hotel em Dublin em direção a cervejaria, são 20 minutinhos de caminhada em linha reta passando pela Christchurch Cathedral. O caminho foi legal, era um domingo e toda essa parte da cidade entre Temple Bar e a cervejaria estava completamente deserta.

guinness-storehouse-02

guinness-storehouse-03

guinness-storehouse-04

O engraçado é que a cervejaria em si estava abarrotada, não só a portaria com dezenas de ônibus despejando dezenas de turistas de todas as partes do mundo, mas o hall de entrada estava intransitável, não parecia nem de longe a cidade pela qual estávamos caminhando até então.

O lugar é enorme, o que conhecemos deve ocupar a menor parte de toda a fábrica.

O que fazer na Guinness de Dublin?

Uma coisa que todo mundo faz é passear, seja em mais ou menos tempo: é um circuito livre e não um tour guiado, então cada um faz da forma que bem entende.

O lugar tem o formato de uma pint de chope, aquelas tulipas europeias onde a cerveja é servida. O objetivo é subir em direção ao bar panorâmico do último andar, mas o tempo que você irá usar para chegar até lá vai de acordo com o seu interesse pelo assunto.

Para quem decide almoçar ali vale falar que existem quatro restaurantes onde você pode beliscar ou comer como rei: Arthur’s Bar é um pub irlandês, Gilroy’s é um bistrô com uma caçarola de carne com purê de batatas bem legal, The Barge Café tem sanduíches e tortas, e Brewers’ Dining Hall parece ter comidinhas naturebas.

E o bar panorâmico no último andar da Guinness?

Gravity é o que amarra todo o passeio. O mesmo ingresso que a gente usa para passar pelas catracas dá direito a uma pint de chope no bar panorâmico da Guinness de onde você consegue ver toda a cidade. O pessoal fica se divertindo enquanto curte o pôr do sol.

A sensação de estar no alto de Dublin da de vinte no escurinho do Heineken Experience em Amsterdã.

Foto por http://www.flickr.com/photos/9439733@N02/4630045038/sizes/l/

Tem barris pro todos os lados!

Dublin - Guinness Storehouse 31

As escadarias de ferro cortam o prédio que tem uma proteção em formato de tulipa. Remete a uma fábrica da década de 1950. Em cada andar existem setas no chão sugerindo um trajeto

Não deixe de sair do Gravity e comprar as lembrancinhas da Guinness na base da tulipa. Os produtos licenciados são super legais, comprei presente para toda família, inclusive aqueles molhos de churrasco feitos a base de Guinness.

Guinness Storehouse

Guinness abre todos os dias entre 9:30 e 17:00, mas no ápice do verão eles geralmente estendem até às 19:00

Saindo da O’Connell Street o ônibus 123 passa por lá, a viagem não dura nem dez minutos. Para quem vem caminhando do centro basta ir andando pela Dame Street em linha reta, passar pela Christchurch e seguir as placas

Rodei foi convidado pela atração e adorou o convite, a cerveja e o Gravity

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar em Dublin? Gosto muito do Paramount Hotel, ele é bem localizado e tem ótimas tarifas – ou pesquise outras opções em Temple Bar, o bairro boêmio que é ótimo para quem está a pé em Dublin.

  Já contratou o seu seguro de viagem? Cote as melhores opções de uma só vez pelo buscador do Seguros Promo que parcela em até 12x no cartão. Leitores do blog ainda levam 5% de desconto com o cupom RODEI5, aproveite!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip de celular internacional com internet ilimitada. Se tiver alguma dúvida, entre em contato comigo!

  Para alugar carro na Europa pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez através da Rent Cars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português e dividem em até 12x no cartão ou com desconto no boleto.


Sobre

Sou mineiro de Belo Horizonte, onde nasci e moro. Sou jornalista, trabalhei com assessoria de comunicação e fui repórter de turismo. Nem toda viagem é trabalho, mas depois do blog todo trabalho virou viagem! Sou @rodeiviagens no Insta.


'Como todo bom turista em Dublin: minha passadinha na Guinness Storehouse' têm 2 comentários

  1. 20 de July de 2014 @ 9:26 Cibele Augusta de Oliveira

    Olá Thiago…parabéns pelo blog….muito boa a forma que vc escreve…Estava realmente desanimada em conhecer Dublin( escolha do marido), mas depois de suas narrações fiquei bem mais animada.Ficaremos três dias em Dublin em agosto próximo. Quero saber se posso comprar o ingresso pra Guiness com antecedência, isto é, se o ingresso tem alguma validade, data certa pra usar….
    Outra coisa, meu marido é pescador esportivo de água doce( não curte pescar no mar),…Vc sabe onde é permitido pescar em Dublin e onde ficam as lojas de pesca?
    Agradeço pelas respostas….tenho um blog de recordações de nossas viagens.
    Abraços e mais uma vez parabéns por seu excelente blog.

    Responder

    • 20 de July de 2014 @ 19:29 Thiago Khoury

      Oi Cibele, você irá adorar Dublin. Compre o ingresso pelo link da Guinness ao longo do post, mas infelizmente não posso ajudar quanto a pescaria!

      Responder


Gostaria de deixar um comentário?

Seu endereço de email não será publicado.

*

Rodei Viagens 2010 - 2017. Todos os direitos reservados. Termos de uso e política de comentários. Colabore com o blog!