11 de agosto de 2022
Para onde vamos agora?

10 dicas para ter a melhor viagem de todos os tempos

Atualizado em 23 de novembro de 2021 por Thiago Khoury

Reuni dez dicas práticas para ajudá-lo a ter a melhor viagem de todos os tempos. São dez formas muito simples de se preparar e coisas para organizar, fazer e criar antes e depois do embarque que irão minimizar suas chances de ter qualquer tipo de perrengue durante a tão sonhada viagem!

10 dicas para ter a melhor viagem de todos os tempos

Seja organizado

Você pode passar dias procurando o melhor preço das passagens, buscando os hotéis mais bem cotados ou gastar uma pequena fortuna em um guia ilustrado, mas tudo perde o propósito quando você esquece onde deixou o passaporte. Carteira, relógio, celular e máquina devem ser deixados sempre no mesmo lugar. Não importa se você escolheu a primeira gaveta da direita ou a cadeira ao lado da porta, o importante é transformar aquele cantinho em sua única certeza dentro do quarto. Em todo lugar desorganizado coisas se perdem e levam consigo o direito de apontar um responsável.

Fique atento

Você pode se encantar, mas quem se deslumbra se descuida: saiba onde você está, perceba quem está ao seu redor, confira os bolsos e nunca use o encosto da cadeira para guardar bolsas e sacolas. Sempre que sair do restaurante se pergunte o que trouxe e o que está levando. Máquina, celular e carteira não ficam mais do que dois minutos esquecidos em lugares públicos sem que desapareçam por completo. Previna-se mesmo que no hotel: nunca deixe de trancar as malas.

Conheça o lugar visitado

Jamais viaje sem saber o mínimo sobre a cultura local: a Dinamarca é uma monarquia? Qual é a moeda da Irlanda? Os interessados na cultura local são bem-recebidos e bem tratados. Saiba o que esperar de cada lugar visitado e não cometa o erro de procurar por Paris em Orlando: respeite o seu destino.

Tenha um planejamento

Não existe nada mais decepcionante do que aproveitar uma terça nublada para visitar o Louvre. Saiba o que visitar, quando visitar e quanto isso custará. Se você precisa ou não pesquisar como chegar até o local desejado dependerá do tempo que você tem disponível, do orçamento ser ou não flexível e se a visitação é ou não essencial. No mais, lembre-se: diferente dos museus e galerias que geralmente fecham na segunda, o Louvre fecha na terça.

Tenha responsabilidade financeira

Você sabe para onde está indo, o que pretende comprar e quanto pode gastar: agora, respeite os seus limites. A melhor forma de fazer uma viagem durar é acumulando novas experiências – mas você também pode escolher parcelar a fatura do cartão. Inclua, em sua previsão de gastos, adequar-se a cultura local: não há nada mais deprimente do que ver turista brasileiro se recusar a pagar gorjeta.

Você não está ali a trabalho

Todo tipo de pessoa pede os mais variados tipos de encomenda – diga não para todas elas. As responsabilidades embutidas em lidar com dinheiro alheio, taxas de cartão de crédito, possibilidade de trazer algo errado ou incompleto, tempo perdido e cuidado no transporte não combinam com tranquilidade e diversão.

Leve roupas adequadas

Todos gostam de estar bem vestidos e arrumados, mas viagens turísticas geralmente incluem longas caminhadas que começam de manhã e terminam no fim do dia. Vista-se de acordo: contente-se em fazer parte da multidão – essa regra vale ouro.

Faça reservas e guarde-as com você

Viajar ao léu não combina com a baixa do dólar e com as possibilidades de parcelamento: mesmo que Nova York possua mais de 70 mil quartos registrados na associação hoteleira da cidade, só em 2015 Manhattan recebeu 60 milhões de turistas – acredite: você não foi o único a ter a maravilhosa ideia de fazer algo de diferente nesse verão.

Tenha um bom seguro de saúde

Não basta pagar por uma apólice: você deve saber que número ligar em caso de emergência e qual o seu código de identificação. Mesmo que imprevistos aconteçam, estar preparado é opção.

Abandone ideias fixas o quanto antes

Lugares diferentes são feitos por pessoas diferentes. Acostume-se com a ideia de estar em um lugar onde as pessoas falam, se vestem e possuem hábitos diferentes dos seus – você jamais irá encontrar arroz e feijão por volta do meio-dia se não estiver no Brasil. É perda de tempo tentar enquadrar um restaurante, hotel ou atração turística ao que você acredita ser mais ou menos sensato. Experimente a culinária local, ande de transporte público, conheça a cidade na altura dos olhos. Ser um bom turista é essencial para ter a melhor viagem de todos os tempos.

Leia também 7 coisas que você irá aprender viajando sozinho

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar? Veja a lista com todos os hotéis que já conheci na página "dicas de hospedagem" e faça a sua escolha!

  Já contratou seguro de viagem? Viajar com um bom seguro é essencial, principalmente em tempos de Covid! O comparador Seguros Promo oferece pelo menos 10% de desconto para leitores do blog e ainda parcela no cartão!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip internacional com internet ilimitada de verdade - e através do nosso link você leva pelo menos 15% de desconto!

  Para alugar carro no Brasil e no exterior pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez na Rentcars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português!

Previous Article

12 coisas que você não deve fazer em Buenos Aires

Next Article

Os sorvetes mais famosos de Buenos Aires

You might be interested in …

6 Comentários

  1. Mais um ótimo post, Thiago!
    Como sempre, está nos ajudando bastante!!!

    Daqui a 15 dias estou viajando, que ansiedade! Depois conto como foi!
    Abraços.

  2. Ainda sou menor, não posso viajar sozinho, mas sempre tive esse sonho, e realizarei, mesmo que minhas condições financeiras não sejam adeptas para dois em Paris (li muito as dicas de planejamento e responsabilidade financeira). Você está me ajudando muito, entro todos os dias aqui para pesquisar cada destino de viagem, quanto custa uma hospedagem e afins. Esta de PARABÉNS, excelentes dicas, muitas delas são novidades para mim. Por isso, serei um bom turista, rodarei o mundo com seguraça junto com a Rodei.

  3. Conheci seu site a mais ou menos uma semana, quando estava procurando sobre realizar viagens sozinho, isso porque, estou querendo viajar pela América do Sul (começando pelo Uruguai e Argentina) de mochilão. Achei o site muito bom, layout bacana e textos de excelente escrita e muito úteis. Parabéns.
    Essas serão as primeiras viagem que farei sozinho, e as primeiras para fora do país, por isso estou lendo muito para saber a melhor forma de fazer isso. Esse texto (10 dicas para ter a melhor viagem de todos os tempos) conteve muita informação interessante. Espero que continue com o trabalho e possa compartilha-lo.

    Abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*