Um restaurante que não gostei em Santiago: Giratorio

11 Comentários Share:

Atualizado em 20 de novembro de 2021 por Thiago Khoury

Giratorio é o restaurante panorâmico com menu preço fixo de Santiago. Eu tenho uma estranha compulsão por restaurantes giratórios.

Essa ideia de comer em um lugar que gira me agrada muito, mas não entendo porque, quase nunca gosto.

Geralmente são todos muito caros, a comida nunca está a altura do valor cobrado e sempre rola uma fila. Foi exatamente o que aconteceu comigo em Santiago: caro, com fila e com comida fraca.

Outras dicas essenciais para planejar uma viagem ao Chile:

Roteiro de um dia no centro de Santiago, Chile

Qual o melhor seguro de viagem para o Chile?

Qual o melhor chip de viagem para o Chile?

Giratorio: restaurante em Santiago

O que me irritou mais no Giratorio de Santiago (clique aqui para acessar) foi a qualidade da comida: não foi o tempero ou a forma de preparo, foi achar a qualidade extremamente baixa em um lugar tão caro e bem avaliado.

No caso do peixe tivemos a nítida impressão de estar comendo as partes que geralmente jogamos fora: pela primeira vez tive que separar gordura e carne comendo o que deveria ser filé de tilápia.

iPhone-Giratorio-06

Ceviche no Giratorio, Santiago

Esse ceviche foi gongado pelos quatro: muita água, pouca comida e uma folha de alface (?) boiando ali no meio. Também não gostei da textura e do cheiro de comida crua.

iPhone-Giratorio-08

Peixe com alcaparras no Giratorio, Santiago

Não lembro quem escolheu o peixe como prato principal, mas nem a decisão de Napoleão de encarar o inverno russo foi tão desastrosa como essa.

Sei que a qualidade da foto não ajuda, mas a apresentação também não era das melhores.

iPhone-Giratorio-11

Carne de boi no Giratorio, Santiago

Carne de boi com purê de batatas e páprica. Pelo incrível que pareça a carne não era das piores. Infelizmente o purê deixou muito a desejar, tinha gosto de salgadinho de supermercado.

iPhone-Giratorio-13

Peixe com camarão no Giratorio, Santiago

Esse peixe com arroz e camarão foi a melhor pedida da mesa. Coloquei as comidas em ordem crescente de qualidade, deu para notar?

iPhone-Giratorio-14

Bolo de chocolate no Giratorio, Santiago

Essa sobremesa não tinha gosto de absolutamente nada. É assustador.

iPhone-Giratorio-04

iPhone-Giratorio-05

Quatro amigos girando em um restaurante de Santiago

Foram muitas fotos e pouca comida, o que quase nunca é legal. O engraçado é que muita gente gosta e elogia o lugar, mas nada me faria voltar: o prédio é velho e descuidado, assim como as mesas, cadeiras e talheres.

Também não gostei da ascensorista. Nem da recepcionista. Os garçons também não eram legais.

iPhone-Giratorio-03

Giratorio, Santiago

Giratorio é um restaurante extremamente recomendado, tinha alguns homens de terno e muitos turistas, principalmente brasileiros.

O curioso é que no cardápio o preço inicial era 10.800 pesos, mas no site do restaurante aparecia 9.800.

Enfim, você precisa reservar o quanto antes pelo telefone (56) 2 2232.1827 e lembrar que o preço não inclui gorjeta, mas dá direito a uma bebida, que pode ser inclusive uma taça de espumante da pior qualidade.

Se você quiser se hospedar por ali, que é uma região que gosto muito, procure pelo MG Apartments Providencia e pelo Austral Suites. Geralmente quem fica em Providencia curte a experiência!

Restaurant Giratorio

Avenida Nueva Providencia 2250. Piso 16

Chegue pela linha 1 na estação Los Leones. O prédio fica logo ao lado da saída da estação

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar em Santiago? Selecionei as melhores opções em quatro bairros que adoro em Santiago: Bellavista e Lastarria na região central e os vizinhos El Golf e Las Condes.

  Já contratou o seguro de viagem? Viajar com seguro é essencial! O buscador Seguros Promo é parceiro do blog e oferece até 10% de desconto para nossos leitores, além de parcelar em até 12x no cartão. Se tiver alguma dúvida, fale comigo!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip internacional com internet ilimitada - e através do nosso link exclusivo você leva 10% de desconto! Se tiver alguma dúvida, entre em contato comigo.

  Para alugar carro no Chile pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez através da Rent Cars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português e dividem em até 12x no cartão ou com desconto no boleto.

Previous Article

Santiago é onde Paris e Londres se encontram

Next Article

Parque Arauco e outras dicas de compras em Santiago

Agora dá uma olhada nesses aqui:

11 Comentários

  1. Cara… Estive lá e também não gostei de nada. Comida apenas razoável e preço muito elevado. Até o vinho é cara neste lugar, especialmente se você considerar que está em Santiago.
    Baita porcaria. Não vale nada.
    Detestei ainda o fato do restaurante girar o tempo todo.

  2. Fui em 2010 e achei uma verdadeira “embosca”. Em compensação, o La Piccola Italia é o verdadeiro bom, bonito e barato. Serviço rápido e farto.

  3. Thiago, sou obrigada a concordar com vc. Do Giratório, para mim, só salvou a vista. No dia em que fui, cheguei para a “Hora del Té”, no final da tarde, porém não estava sendo servido mais. Acabamos optando pelo jantar, mas não voltaria lá apenas por causa dele. Uma pena né! Mas não dá para negar que a vista do por-do-sol foi linda – e cara. Beijos

  4. Concordo com tudo!
    Achei esse giratório a armadilha mais pega-turista que já vi na vida.
    É válido pra quem nunca foi a um restaurante giratório, mas pra quem já sabe como é, é super dispensável.

  5. Ih…acho que vc nao deu sorte. Quando fui em 2011, achamos otimo o restaurante e os pratos estavam deliciosos, era tipo um espetinho de camarao com molho de abacate e carne no principal. Tb nao pegamos fila.

    Mas, ainda gostei mais do giratorio de vancouver, a comida bemm melhor e a vista tb mais bonita e tb nao era caro, pq tinha opcao mais em conta , que era pedir os tres pratos…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*