Tudo sobre os teatros da Broadway

Tudo sobre os teatros da Broadway

Atualizado em

Tem coisa mais nova-iorquina do que assistir um musical em um dos teatros da Broadway?

“Broadway” não é só uma indústria milionária de espetáculos musicais, ela é um dos elementos mais importantes da cultura americana.

Nova York fez com que “ir ao teatro” se tornasse atração turística, mesmo quando há dezenas de outras coisas para fazer na cidade.

Este post foi escrito na tentativa de responder todas as suas perguntas sobre os musicais da Broadway: quais são, onde ficam, quanto custa e algumas curiosidades para tentar entender um pouquinho dessa cultura teatral de Nova York.

Teatros da Broadway em Nova York

Antes de começar a falar sobre Broadway, vamos esclarecer um ponto básico sobre lá: Broadway não é só sinônimo de uma gigantesca indústria teatral, é também uma das avenidas mais famosas da cidade, a única que atravessa Manhattan e chega no Bronx.

Enquanto todas as outras avenidas cortam Manhattan no sentido Norte-Sul, a Broadway passa de forma transversal atrapalhando um mapa perfeitamente quadriculado!

Uma dessas regiões pela qual a Broadway passa é conhecida como Distrito Teatral, ou Theater District, que é justamente onde estão grande parte dos teatros que a gente chama de “Broadway”.

Quantos teatros existem na Broadway?

Atualmente existem 41 teatros que fazem parte da Broadway.

O curioso é que apenas quatro deles ficam na Broadway propriamente dita, todos os outros ficam em ruas e avenidas adjacentes dentro do perímetro do Distrito Teatral de Nova York.

Coloquei em um mapa todos os teatros da Broadway em Nova York:

Mapa com os 41 teatros da Broadway em Nova York

Quais são e onde ficam os teatros da Broadway?

Na verdade quarenta dos quarenta e um teatros da Broadway ficam dentro dos limites do Distrito Teatral: o famoso Vivian Beaumont Theatre faz parte do Lincoln Center em Upper West Side.

Os limites geográficos do Distrito Teatral se confundem com os limites de Times Square: ele compreende tudo entre as ruas 41st Street e 54th Street (no sentido Norte-Sul) e as avenidas 6th e 8th (no sentido Leste-Oeste).

Estes são os atuais teatros da Broadway e seus endereços:

  • Al Hirschfeld Theatre: 302 West 45th Street
  • Ambassador Theatre: 219 West 49th Street
  • American Airlines Theatre: 227 West 42nd Street
  • August Wilson Theatre: 245 West 52nd Street
  • Belasco Theatre: 111 West 44th Street
  • Bernard B. Jacobs Theatre: 242 West 45th Street
  • Booth Theatre: 222 West 45th Street
  • Broadhurst Theatre: 235 West 44th Street
  • Broadway Theatre: 1681 Broadway
  • Brooks Atkinson Theatre: 256 West 47th Street
  • Circle in The Square Theatre: 1633 Broadway
  • Cort Theatre: 138 West 48th Street
  • Ethel Barrymore Theatre: 243 West 47th Street
  • Eugene O’Neill Theatre: 230 West 49th Street
  • George Gershwin Theatre: 222 West 51st Street
  • Gerald Schoenfeld Theatre: 236 West 45th Street
  • Hayes Theater: 240 West 44th Street
  • Hudson Theatre: 145 West 44th Street
  • Imperial Theatre: 249 West 45th Street
  • John Golden Theatre: 252 West 45th Street
  • Longacre Theatre: 220 West 48th Street
  • Lunt-Fontanne Theatre: 205 West 46th Street
  • Lyceum Theatre: 149 West 45th Street
  • Lyric Theatre: 213 West 42nd Street
  • Majestic Theatre: 245 West 44th Street
  • Marquis Theatre: 1535 Broadway
  • Minskoff Theatre: 200 West 45th Street
  • Music Box Theatre: 239 West 45th Street
  • Nederlander Theatre: 208 West 41st Street
  • Neil Simon Theatre: 250 West 52nd Street
  • New Amsterdam Theatre: 214 West 42nd Street
  • Palace Theatre: 1564 Broadway
  • Richard Rodgers Theatre: 226 West 46th Street
  • Samuel J. Friedman Theatre: 261 West 47th Street
  • Shubert Theatre: 225 West 44th Street
  • St. James Theatre: 246 West 44th Street
  • Stephen Sondheim Theatre: 124 West 43rd Street
  • Studio 54 Theatre: 254 West 54th Street
  • Vivian Beaumont Theatre: 150 West 65th Street
  • Walter Kerr Theatre: 219 West 48th Street
  • Winter Garden Theatre: 1634 Broadway

Broadway em Times Square

As famosas propagandas da Broadway em Times Square

O que é uma peça da Broadway?

Para ser considerado “Broadway” o espetáculo deve ter uma agenda semanal com pelo menos seis apresentações em um dos 41 teatros da Broadway que possuem pelo menos 500 assentos enumerados.

Diferente do que muita gente pensa, espetáculos da Broadway não são necessariamente musicais: são apresentações com alto investimento financeiro que incluem encenações dramáticas originais, adaptadas, releituras e monólogos.

Mas a verdade é que os musicais são sim os mais populares: musicais são os únicos que ficam em cartaz por anos e os que movimentam milhões de bilheteria – só O Fantasma da Ópera já teve mais de 18 milhões de ingressos vendidos nos últimos 30 anos!

Existem outros tipos de espetáculos da Broadway?

Não, mas existem montagens itinerantes de peças da Broadway, é por isso que muita gente assiste musicais famosos em outros palcos pelo mundo, como Chicago, Orlando ou até mesmo montagens em outras línguas, como os musicais da Broadway que são montados no Brasil.

Eu já escrevi sobre a experiência que tive assistindo Hamilton em Chicago, lembra? Como consegui ingressos para Hamilton, o musical mais concorrido de todos os tempos.

O que muita gente confunde são espetáculos da Broadway com espetáculos Off-Broadway.

Espetáculos Off-Broadway, que também fazem muito sucesso, acontecem em teatros tão bons quanto, porém menores, com até 499 poltronas enumeradas.

Muitos antigos espetáculos da Broadway reestreiam anos depois em formato Off-Broadway, mas o contrário também acontece: grandes sucessos Off-Broadway recebem investimento milionário e reestreiam em formato Broadway.

Quais são as peças em cartaz na Broadway?

Vale deixar claro que nem todos os teatros da Broadway possuem espetáculos em cartaz porque mesmo em Nova York seria complicado manter 41 mega produções com oito apresentações por semana cada de forma simultânea!

Tirando que muitas vezes existe necessidade de manutenção dos teatros e um período de transição entre a despedida de uma peça e o lançamento de outra.

O legal é que independente da época do ano você sempre terá várias opções de peças da Broadway para escolher, mas vale dizer que a primavera norte-americana marca o início de uma “nova temporada” de espetáculos, geralmente em meados de abril.

Essa divisão de tempo existe em detrimento da entrega dos prêmios Tony, que é o “Oscar” do teatro americano onde só concorrem peças da Broadway.

Separei os espetáculos mais populares da temporada por categorias: os mais tradicionais, os da Disney, os mais concorridos, as últimas novidades e os Off-Broadway.

Coloquei em azul os mais vendidos entre eles:

Os musicais mais tradicionais da Broadway:

Os musicais da Disney:

Os mais concorridos da temporada:

As últimas novidades:

Off-Broadway:

TKT em Times Square

Escadaria vermelha do TKT em Times Square

Quais musicais da Broadway assistir?

É impossível sugerir musicais da Broadway sem saber preferências pessoais ou o que a pessoa espera do passeio: você sonha em assistir uma determinada peça ou quer só ter a chance de vivenciar uma experiência única?

Quem não tem nenhum interesse específico e quer só assistir uma mega produção geralmente escolhe as mais tradicionais, como Fantasma da Ópera ou Chicago. Escolha histórias populares que sejam fáceis de acompanhar mesmo que você se atrapalhe um pouco com a língua.

Quem está viajando em família com crianças geralmente escolhe os musicais da Disney: Frozen, Aladdin e Rei Leão.

Não me entenda mal: os musicais da Disney são incríveis e também são ótimas escolhas para jovens adultos viajando sem crianças!

Harry Potter tem um público muito específico e não inclui crianças: é uma história original, longa e não é um musical, por isso pense bem antes de levar crianças pequenas!

Existe uma segunda categoria de peças muito tradicionais porém menos populares entre brasileiros porque não foram adaptadas para o cinema (ou foram adaptações que fizeram pouco sucesso): Wicked, Waitress, Beautiful

Quem curte a ideia de assistir algo badalado, vencedor dos últimos prêmios e com ingressos mais disputados (e caros) geralmente foca nas mais famosas: Dear Evan Hansen, Hamilton, Come From Away

Enfim, geralmente as pessoas tem uma noção do que querem antes mesmo de pesquisarem a fundo. A lista com as peças mais populares que coloquei aqui em cima resume bem as principais escolhas feitas pelo público.

Hamilton

Hamilton, o musical com trilha sonora original hip-hop

Quanto custa ir a Broadway?

Não existe um custo padrão para os ingressos dos teatros da Broadway: os valores podem variar entre dez e mil dólares dependendo da peça, do assento e da forma que o ingresso é comprado.

Existem peças mais ou menos populares e isso influencia no valor cobrado, mas de forma geral o que mais dita o valor do ingresso é o assento escolhido e a forma que ele é comprado, porque existem maneiras (muitas vezes com um certo grau de sorte envolvido) que pode fazer com que você compre o melhor ingresso da casa por 10 dólares.

Para saber tudo sobre valores e formas mais baratas de comprar ingressos da Broadway leia:

+ Como comprar ingressos da Broadway mais baratos

Neste post aqui em cima eu falo sobre como comprar ingressos pela internet, como comprar ingressos na bilheteria e como comprar ingressos com desconto de diversas formas, inclusive nas tradicionais cabines TKT, como aquela que fica embaixo da escadaria vermelha de Times Square.

Quais os tipos de ingressos disponíveis na Broadway?

O valor do ingresso varia de acordo com a proximidade do assento em relação ao palco, mas os teatros da Broadway geralmente são divididos em zonas: Orchestra, Mezzanine, Balcony e Box Seats.

Orchestra é a parte nobre, mas próxima do palco, principalmente a região central que é ainda mais cara do que as regiões laterais. Os assentos da Orchestra são os mais nobres da casa.

Logo depois vem o Mezzanine, que é a segunda categoria de ingressos. Os ingressos mais caros são os centrais e muitas vezes eles são tão bons quanto os da Orchestra.

Balcony são os ingressos mais baratos, os que ficam sobre o Mezzanine. Muitas vezes a Balcony possui Box Seats, que são aquelas casinhas laterais lá em cima.

Box Seats parecem verdadeiros camarotes, mas muitas vezes esses são os piores assentos e a vista é obstruída.

Teatro da Broadway

Teatro da Broadway gigante, mas nem sempre é assim!

Vale a pena comprar os ingressos mais caros?

Nem sempre. O grande diferencial de escolher um ingresso da Orchestra é poder ver as expressões faciais e detalhes do figurino, mas muitas vezes quem escolhe bons assentos do Mezzanine fica apenas algumas fileiras atrás.

Um assento central do Balcony e o mais próximo possível do palco vai fazer com que você tenha uma visão bem ampla do espetáculo, mas sem aqueles detalhes que mencionei aqui em cima (e que fazem toda a diferença para muita gente).

Fique tranquilo porque você sempre será informado se o assento escolhido não oferecer visão completa do palco: a venda será claramente assinalada como “partial view”ou “obstructed view”.

Qual roupa usar nos teatros da Broadway?

A mais confortável possível. Essa é a pergunta que pinta sempre por aqui, mas a resposta é bem simples: ir a Broadway é um programa descontraído e não requer formalidade alguma.

Não existe um dress code sugerido, mas você irá ver muita gente extremamente alinhada entre um número maior de pessoas de camiseta e calça jeans.

Faz frio dentro dos teatros da Broadway?

Não acho que faça frio, pelo contrário: no inverno tudo que quero é passar duas horinhas confortáveis em um ambiente climatizado da Broadway.

Quem é friorento e sente falta de blusa em cinema provavelmente também irá sentir falta de blusa no teatro.

O que você não pode deixar de ter em mente é que seis em cada dez pessoas que frequentam os teatros da Broadway são turistas e aquele é só um pedacinho do roteiro do dia de cada uma delas, por isso muitas vezes tem gente que chega correndo, com sacolas na mão e usando a mesma roupa do início do dia.

Quanto tempo duram as peças da Broadway e quando começam?

Geralmente os musicais possuem oito apresentações por semana de terça a domingo, mas o horário de início varia de acordo com a época do ano.

Os horários mais comuns são 19h, 20h e 21h horas. No verão elas começam mais tarde e no inverno mais cedo.

Quase todos os espetáculos possuem matinês no fins de semana: os horários diurnos aos sábados é a partir das 14h e aos domingos a partir das 15h.

Musicais costumam ter entre duas e três horas de duração com um intervalo dividindo-os em dois atos.

Que horas chegar em uma peça da Broadway?

Você pode chegar cinco minutos antes do horário marcado sem medo de chegar atrasado. Não estou falando para sair do hotel cinco minutos antes, mas entrar no teatro cinco minutos antes do início do espetáculo é mais do que o suficiente.

Como os assentos são marcados, a checagem de ingresso dura segundos e o espaço do saguão é bem pequeno, não existe porque chegar muito tempo antes.

Vale chegar um pouquinho antes em teatros como os de Wicked e King Kong porque eles possuem saguões maiores que comportam mais gente, mas via de regra é bobagem chegar mais de dez minutos antes do início do espetáculo.

Eles servem comida nos teatros da Broadway? O que tem para comer?

Ninguém serve comida antes, durante ou depois dos musicais, mas sempre tem um bar onde você pode pedir um refrigerante, tomar uma cerveja ou escolher uma taça de vinho.

O cardápio de comidas geralmente se resume as snacks americanos: saldinhos, pretzels e pipoca.

Vale dizer que diferente de cinema ninguém fica comendo depois que a peça começa, qualquer barulho é extremamente deselegante. Se bater uma fome você pode usar os 15 minutos de intervalo entre um ato e o outro para comer algo e ir ao banheiro.

É melhor jantar antes ou depois da Broadway?

Essa é uma decisão muito particular e varia com os desejos de cada um e com o tipo de restaurante onde você pretende jantar naquele dia.

Grande parte dos americanos tende a jantar cedo, mas é importante lembrar que no inverno as peças começam muito cedo, então para comer antes de um musical que começa às 19h você deve se programar para jantar entre cinco e seis da tarde.

Já durante o verão algumas peças começam às 21h, o que te permite jantar entre sete e oito da noite, mas dificulta a vida de quem pretende jantar depois do espetáculo.

Os restaurantes de Times Square funcionam normalmente para quem topa jantar mais tarde, mas ter uma reserva é sempre recomendável.

Outros restaurantes mais para o sul da ilha tendem a fechar mais cedo no inverno, por isso vale ter em mente onde você pretende jantar para poder checar o horário antes e se programar.

Posso levar crianças para a Broadway?

Sim, até porque existem muitos musicais “infantis”, sendo os mais famosos os da Disney.

Tirando o fato de que algumas peças não aceitam crianças com menos de cinco anos, levar ou não criança (mesmo que para uma peça tradicionalmente infantil) deve ser uma decisão dos pais: você, que conhece o seu filho, acha que ele curte a ideia de passar mais de duas horas sentado assistido a um musical em inglês?

Se a resposta for sim, pode levar, tenho certeza que ele vai amar.

Como faço para tirar fotos com os atores da Broadway?

Vou começar com uma boa notícia: não é nada difícil ver os atores da Broadway depois que a peça termina. Conseguir uma foto talvez seja um pouquinho mais complicado, mas vê-los ir embora é até bem comum.

Uma vez vi Ricky Martin saindo de Evita que passava justamente no hotel onde eu estava hospedado. Ele parecia super simpático e estava dando autógrafos a medida que ia caminhando em direção ao carro.

Como eu e ele estávamos usando a mesma camiseta, resolvi gritar o nome dele, apontei para a minha, ele olhou e disse “nice tee!”.

Foto com atores da Broadway

Ricky Martin saindo de Evita

Só não tentei tirar uma foto com ele porque tinha muita gente na minha frente, então me satisfiz com a foto que tirei de longe e o “nice tee!” que escutei de volta.

Uma dica que dou para ver atores e atrizes da Broadway é sair o mais rápido possível assim que terminar a peça e correr para a saída lateral do teatro.

Fique ali, sem pressa, que você provavelmente irá encontrar alguém!

7 curiosidades sobre os teatros da Broadway 

Por mais que eu tente jamais conseguiria achar nada mais curioso do que o que foi dito lá em cima: não é engraçado a gente se referir a esse tipo de espetáculo usando o nome de uma rua que tem apenas quatro dos quarenta e um teatros participantes?

  • Não existe fileira “I”: da fileira “H” pula para “J”.

Essa foi a maneira mais prática de evitar constrangimento e decepção de quem imaginava estar prestes a se sentar na fileira “1” e descobria, em cima da hora, que aquilo era um “I” e não um “1”.

  • O Fantasma da Ópera é o musical da Broadway mais antigo em cartaz.

Em 2018 The Phantom of The Opera completou 30 anos em cartaz, definitivamente o musical mais icônico da Broadway: foram mais de 12.500 apresentações, mais de 18 milhões de espectadores e quinze atores interpretando o mesmo personagem, inclusive um negro e um asiático.

  • O Rei Leão é o musical campeão de arrecadação.

Por outro lado The Lion King é o verdadeiro rei das bilheterias: ele foi o primeiro a ultrapassar a barreira de 1 bilhão de dólares em arrecadação com um faturamento médio de 2 milhões de dólares por semana.

  • Waitress é um musical criado exclusivamente por mulheres.

Waitress estreou no início de 2016 com um fato curioso: foi o primeiro musical criado por mulheres, inclusive roteiro, produção, direção e coreografia. Trilha sonora original criada pela cantora e compositora americana Sara Bareilles.

  • Qual é o público da Broadway?

De acordo com dados oficiais de um estudo de 2016/2017, dos mais de 13 milhões de espectadores daquela temporada 66% eram mulheres. O mesmo estudo mostra que 63% do público era composto por turistas em Nova York.

  • Hamilton é o campeão de indicações ao Tony.

Nunca uma mesma montagem recebeu tantas indicações como Hamilton, o hip-hop histórico de Lin-Manuel Miranda: foram 16 indicações e 11 vitórias na premiação de 2016.

  • Broadway é um ótimo negócio para o turismo de Nova York.

De acordo com o relatório de 2016/2017, a indústria teatral de Nova York movimentou 1,45 bilhões de dólares, a maior arrecadação da história. Esse dinheiro é o responsável pela criação de 89 mil empregos diretos!

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar em Nova York? Fiz uma seleção com as melhores opções nos arredores de Times Square. Se você acompanha minhas viagens sabe que tenho ficado bastante no Hotel Belleclaire de Upper West Side e gostado muito!

  Já contratou o seguro de viagem? Seguro é essencial nos Estados Unidos! O buscador Seguros Promo oferece até 10% de desconto para leitores do blog, além de parcelar em até 12x no cartão. Se tiver alguma dúvida, fale comigo!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip americano com internet ilimitada de verdade – e através do nosso link exclusivo você leva 10% de desconto! Se precisar, entre em contato comigo.

  Para alugar carro nos Estados Unidos pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez através da Rent Cars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português e dividem em até 12x no cartão ou com desconto no boleto.


Sobre

Sou mineiro de Belo Horizonte, onde nasci e moro. Nem toda viagem é trabalho, mas depois do blog todo trabalho virou viagem! Se quiser receber os últimos posts do blog e minhas dicas no WhatsApp é só adicionar (31) 98263.3937 aos seus contatos e mandar um "alô" para ativar o robô do blog!


'Tudo sobre os teatros da Broadway' têm 2 comentários

  1. 6 de junho de 2011 @ 16:25 Fred Pimenta

    Thiago,
    você acha tranquilo comprar tickets nessas lojas em Time Square e South Seaport? Quero assistir Wicked dia 16/06 e ainda não tenho ingresso. Acha arriscado? Tem alguma dica?

    Responder

    • 6 de junho de 2011 @ 19:55 Thiago Khoury

      Se você topa correr o risco de ficar sem, tente primeiro na bilheteria do teatro, três horas antes da apresentação. Depois você olha no TKT em Times Square entre uma e duas horas antes.

      Responder


Gostaria de deixar um comentário?

Seu endereço de email não será publicado.

*

Rodei Viagens 2010 - 2019. Todos os direitos reservados. Colabore com o blog! | Orgulhosamente hosted pelo DreamHost