Vale a pena viajar para os Estados Unidos no inverno?

Atualizado em

Uhm, que pergunta complicada essa. Já comecei esse post de cinco formas diferentes e apaguei todas elas, agora quero tentar de um outro jeito, vou mostrar o pau antes de matar a cobra, com o perdão do trocadilho:

16193641919

Imagem de vivnsect. Todos os direitos reservados

Esse cenário apocalíptico mostra Times Square irreconhecível no dia 27 de janeiro, não tem nenhum um mês que essa foto foi tirada!

Não sei se aqui no Brasil as pessoas falavam sobre isso, mas lá nos noticiários locais eles chamavam essa tempestade de neve de a maior nevasca de todos os tempos, o prefeito chegou a pedir que estocassem alimentos!

Olha como ficou a 6a avenida, bem em frente ao Radio City Music Hall, uma região cheia de escritórios que geralmente fica abarrotada de gente:

16193979217

Imagem de vivnsect. Todos os direitos reservados

Parecia o fim do mundo, e foi anunciado como tal, mas cá estou eu para contar história: não vi nada disso acontecer, e olha que cheguei horas depois dessas fotos terem sidos feitas. Tudo bem que foram mais de 3 mil voos foram cancelados, muita gente perdeu a viagem e muito menino ficou sem aula, mas nenhuma das previsões mais pessimistas se concretizou, principalmente aquelas que diziam que a neve chegaria a 90 cm de altura, quando na verdade ela não chegou nem a 30.

Vale a pena viajar para os Estados Unidos no inverno?

Bem, pode ser mais incômodo: quanto mais frio faz, mais roupas usamos. E como o segredo é nos vestir como cebolas, em camadas, o passar do dia vira um irritante tira isso e coloca aquilo, além do susto térmico que é entrar e sair de ambientes climatizados. É uma viagem que já começa com uma mala a menos: é impressionante o espaço que botas e casacos podem ocupar.

Geralmente é a temporada da gripe. O frio e o entra e sai de ambientes climatizados cutuca todas as amigdalites, faringites e otites possíveis, não tem muito como se proteger – eu que sou do contra tendo a ter queda imunológica no verão, mas todo mundo que conheço é mais suscetíveis a pepinos climáticos no inverno. Por isso vale sempre viajar muito bem acompanhado de um seguro de viagens, assim você não transforma um probleminha em um problemão.

Você pode não aproveitar o tanto que gostaria. Chicago e Nova York são cidades famosas pelos seus congelantes corredores de vento, mas quando o vento aperta qual a primeira coisa que fazemos? Bem, não sei você, mas eu tampo o rosto. Já se imaginou em Chicago pela primeira vez de cabeça baixa? Conhecendo asfalto, bueiros e paralelepípedos?

16192459190

Pode acreditar: isso é a 5a avenida sem uma única alma viva. Imagem de vivnsect. Todos os direitos reservados

Inverno e verão são experiências completamente diferentes. No inverno tudo fecha mais cedo e o dia termina muito antes com o sol se pondo entre cinco e seis da tarde. Com o frio vem aquela preguiça mortal de desbravar novos caminhos: as pessoas não trocam o certo pelo duvidoso e acabam minimizando suas chances de ficar em espaços a céu aberto. Times Square não é isso que aparece na primeira foto do post, pelo contrário, é completamente diferente!

Então, desisto de viajar no inverno? Bem, não sei, mas coloque na balança: esse ano o Juno afetou 60 milhões de pessoas, mas eu que cheguei exatamente um dia depois mal vi neve na rua – por outro lado tenho vários amigos que perderam um ou dois dias de viagem.

Você já conhece o lugar ou estamos falando de uma primeira viagem? Eu sabia onde ir, o que fazer e continuo amando Nova York, mas as pessoas que estavam comigo estavam mais preocupadas em entrar na primeira loja que aparecesse pelo caminho. Em Chicago eu experimentei o outro lado da moeda: no meu último dia eu não tinha coragem para comer em qualquer outro lugar que não fosse minha cama. Se me perguntarem o que achei de Chicago irei dizer que amei e pretendo voltar, mas dessa vez na primavera porque verão é outro extremo que combina ainda menos comigo.

16378951972

Imagem de vivnsect. Todos os direitos reservados

Ah, não se esqueça que existem invernos para todo tipo de casaco: o inverno de Orlando todo mundo tira de letra, nada que uma calça jeans não resolva. Honolulu no Hawaii é o mesmo furdúncio de sempre. San Diego também é mamão com acúcar, as praias continuam cheias.

Tem gente que é de inverno, tem gente que é de verão. Pode ter certeza que o mundo não para, mas ele pode ficar meio preguiçoso naquelas cidades lá de cima entre novembro e fevereiro – aliás, para provar que tudo é muito imprevisível, sabia que Seattle teve o inverno mais quente de todos os tempos?

O segredo é ir fisicamente preparado e acompanhar a previsão do tempo: não tem satisfação maior do que adiantar a programação e constatar que você sambou no planejamento. Quem não curte soltar aquele “imagina se a gente tivesse deixado aquilo para hoje?” no dia seguinte?

Minhas dicas de onde ficar em Chicago e Nova York

Minhas dicas de onde ficar em Orlando

Ps.: e se você também pirou nas fotos da vivnsect eu sugiro que você também comece a acompanhá-la no blog nythroughthelens.com


Sobre

Sou mineiro de Belo Horizonte, onde nasci e moro. Nem toda viagem é trabalho, mas depois do blog todo trabalho virou viagem! Se quiser receber os últimos posts do blog e cupons de descontos exclusivos no WhatsApp é só adicionar (31) 98263.3937 aos seus contatos e mandar um "alô" para ativar o robô do blog!


'Vale a pena viajar para os Estados Unidos no inverno?' têm 14 comentários

  1. 26 de agosto de 2019 @ 20:42 Roberto

    O estados unidos no inverno é uma coisa linda,por enquanto só vi fotos mas pretendo ir pra la em breve.

    Responder

  2. 26 de maio de 2019 @ 16:37 Angela

    Boa tarde. Pretendo ir de Nova York para Orlando de carro em Janeiro de 2020, com minha família; mas estou preocupada com a neve nas estradas… Você teria alguma dica ou informação para mim. Obrigada!

    Responder

    • 26 de maio de 2019 @ 17:22 Thiago Khoury

      Oi Angela, realmente se houver neve nas estradas é motivo de preocupação, eu não faria a viagem.

      Responder

  3. 15 de maio de 2019 @ 3:21 Julio-Cesar Faleiro

    Olá Thiago

    Poderia, por favor, dizer, com base na sua experiência ou em outras pessoas que viajaram pela mesma rota, de Nova York a São Francisco, podemos fazê-lo em janeiro?

    Estas são as férias dos nossos dois filhos, Anabella 11 e Leonardo 5 e gostaríamos de tentar pegar a estrada por 15 ~ 20 dias (em janeiro) e viajar por grande parte dos EUA.

    Você pode nos dar alguns conselhos, por favor?

    Obrigada
    JCF

    Responder

  4. 17 de abril de 2019 @ 9:14 Diego Garcia

    Bom dia Thiago,
    O frio impede de conhecer os lugares?
    Acha possível termos uma viagem normal, e que de para conhecer os pontos turisticos de NY?

    Obrigado,

    Responder

    • 17 de abril de 2019 @ 9:53 Thiago Khoury

      Claro que sim, Diego. O vento pode atrapalhar e o frio não te deixa ficar andando muito ao relento nas ruas, mas é uma ótima experiência de toda forma

      Responder

  5. 26 de janeiro de 2018 @ 15:08 Camilla

    Matéria muito interessante. :) Muita gente pensa apenas no preço da passagem. Mas é importante ter uma análise mais ampla.

    Responder

  6. 10 de maio de 2015 @ 15:27 Rogério

    Poxa muito legal ainda não consegui fazer um tour desses no inverno, mas imagino de deva ser sensacional.

    Responder

  7. 23 de abril de 2015 @ 10:53 Contando as Horas » Arquivos » Vale a pena viajar para a Escócia no Inverno?

    […] que tinha que escrever um post sobre esse assunto esses dias quando li um post no blog do Thiago, o Rodei. Mas nesse caso, o assunto por lá era: Vale a pena viajar para os EUA no […]

    Responder

  8. 27 de março de 2015 @ 23:00 Mara Peixoto

    deve ser legal, o duro é frio, será que aguento,rss.

    Responder

  9. 23 de março de 2015 @ 12:06 Alessandra Araujo

    Sou a prova viva que dá pra viajar para lugares frios e aproveitar muito. Cá estou, nordestina que nunca encarou temperatura abaixo de 25 graus, em Chicago. Detalhe…nevando!
    Receita: SIga as dicas de quem ja foi para o mesmo destino que Vc. Thiago Parente, do hotel aos lugares onde comer, segui teus Passos è Digo: blogueiro sério e realista! Parabéns!

    Responder

  10. 16 de março de 2015 @ 9:53 Tamo Junto pelo mundo

    Blog muito bacana. Inspirador para nós que estamos começando. Parabéns!

    Responder

  11. 24 de fevereiro de 2015 @ 17:03 Rafael Carvalho

    Que FOTOS! DEMAIS! Parabéns, abraços

    Responder


Gostaria de deixar um comentário?

Seu endereço de email não será publicado.

*

Rodei Viagens 2010 - 2019. Todos os direitos reservados. Colabore com o blog! | Orgulhosamente hosted pelo DreamHost