26 de maio de 2022
Para onde vamos agora?

Seguro de viagem para cruzeiros: qual fazer?

Seguro de viagem para cruzeiros

Atualizado em 25 de maio de 2022 por Thiago Khoury

Tem tanta gente perguntando sobre seguro de viagem para cruzeiros que resolvi escrever um post especialmente sobre isso.

Quem já me acompanha há algum tempo sabe que sou maluco com segurança em viagem, mas se tem um lugar que merece atenção especial são os navios – atracados nem tanto, mas depois que zarpam toda proteção é muito bem-vinda!

Inclusive vou mostrar no fim do post uma coisa que presenciei e justifica completamente a contratação de um bom seguro, vocês vão ver.

+ 21 coisas que eu não sabia sobre cruzeiros

+ Orçamento para cruzeiros: descubra quanto custa realizar o seu sonho!

Como escolher o melhor seguro de viagem para cruzeiros?

Para escolher o melhor seguro de viagem para cruzeiros você precisa comparar opções que tenham um valor considerável para o que chamamos de “despesa médica hospitalar total”.

De acordo com o Tratado de Schengen, cruzeiros na Europa exigem, obrigatoriamente, uma cobertura de pelo menos 30 mil euros, mas é aconselhável contratar seguros com apólices que cubram a partir de 50 mil dólares.

Uma maneira de comparar vários seguros de uma só vez é usando um comparador de preços, como o Seguros Promo que é parceiro do blog e oferece 10% de desconto para que acessa o site através de um dos nossos links.

No Seguros Promo você entra com os seus dados de contato, destino e datas de viagem para comparar, lado a lado, o preço de diferentes empresas e coberturas de uma só vez.

Como eu sempre digo, entre os resultados você pode escolher qualquer empresa que ofereça o melhor custo-benefício no momento da cotação (todas ali são mundialmente reconhecidas no mercado), mas para quem vai fazer cruzeiro vale dar uma atenção especial aos resultados da Assist Card.

Independente da viagem, Assist Card é uma ótima empresa e uma das que gosto mais, mas em cruzeiros ela é especialmente mais indicada: ela é única que cobre os primeiros 500 dólares de atendimento em alto mar em várias companhias parceiras.

Como funciona seguro de viagem em navios?

Quando estamos em alto-mar o seguro de viagem em cruzeiros funciona de forma diferente, você deve pagar pelo atendimento e ser ressarcido depois.

Bom, vamos primeiro falar sobre o funcionamento dos seguros de viagem no continente: em terra firme as seguradoras possuem acordos com redes hospitalares em qualquer lugar do mundo, é por isso que basta uma ligação para saber onde ser atendido em caso de necessidade.

Em alto-mar não existem hospitais ou médicos conveniados, aliás, por mais modernos que sejam, as enfermarias dos navios mais novos não deixam de ser o que são, enfermarias, por isso elas não servem para muita coisa que exceda os primeiros-socorros.

É por isso que em um navio você paga pelo atendimento, pelos medicamentos e pelo tratamento, só depois pede o ressarcimento – mas, fique tranquilo, ele vem: quando a seguradora é idônea ninguém é passado para trás.

Como eu disse ali em cima, a Assist Card é a única que possui acordo por prestação de serviços (limitados a 500 dólares) nos navios das seguintes companhias:

  • Royal Caribbean
  • Azamara Cruises
  • Celebrity Cruises
  • Norwegian Cruise Line
  • Oceania Cruises
  • Regent Seven Seas Cruises

Mas, sinceramente?, você não precisa ficar preso à Assist Card. Escolha o seu destino na Seguros Promo compare resultados.

Isso porque um cruzeiro internacional sempre vai envolver uma viagem tradicional antes ou depois do cruzeiro; e, também, porque quando se trata de atendimento médico-hospitalar, 500 dólares infelizmente não é nada.

Seguro de viagem internacional ou marítimo?

Uma dúvida muito comum que sempre aparece é: se o meu cruzeiro zarpa na Europa ou Estados Unidos, eu preciso de um seguro de viagem internacional ou marítimo?

Ou então, se vou embarcar em uma viagem longa que inclui um cruzeiro pelas Ilhas Gregas, preciso fazer dois seguros, um marítimo e outro para Europa?

Bem, vamos lá: na hora de fazer a sua cotação, seja no Seguros Promo ou em qualquer outro lugar, geralmente você pode escolher entre um destino físico e a opção marítima, mas o certo é optar pelo seguro do destino, como Europa ou Estados Unidos.

Isso significa que quem pretende passar dez dias nos Estados Unidos e durante a sua viagem embarcar em um cruzeiro pelo Caribe pode fazer um único seguro de dez dias para os Estados Unidos.

Com a Europa é exatamente o mesmo: se durante uma viagem pela Europa você embarca em um cruzeiro qualquer não é necessário fazer um seguro específico para ele, basta um seguro de viagem para Europa durante todo o período de viagem.

Atenção: só é necessário fazer um seguro de viagem marítimo quando se trata de um cruzeiro no Brasil. Seguros de viagens nacionais não cobrem cruzeiros, até porque eles velejam em águas internacionais.

Como funciona o atendimento em alto-mar?

A maior parte dos atendimentos em alto mar são apenas de primeiros socorros ou para tratar de dores que muitas vezes a gente trataria sozinho se estivesse em casa.

Nenhum navio tem condições de prestar os mesmos serviços de um hospital ou clínica.

É por isso que em casos mais sérios o paciente precisa ser transportado, mesmo estando a milhares de quilômetros da costa:

Resgate em alto mar no Norwegian Bliss

Esse vídeo curtinho foi gravado por mim por volta das cinco da tarde em alto-mar. Nesse dia o navio Norwegian Bliss não atracaria em nenhum porto, pelo contrário: esse era um dia inteiramente navegando.

A gente não sabe muito bem o que aconteceu, mas um senhor precisou ser resgatado com a ajuda da guarda costeira canadense.

Dois helicópteros foram usados na operação de resgate que removeu o paciente e outros dois membros da família em aproximadamente 30 minutos.

É inimaginável o custo de uma operação como essa. Se uma cirurgia de urgência de apendicite custa 37 mil dólares, imagina quanto custa ter você e sua família removidos de um navio passando pelas geleiras do Alasca?

Por isso que sempre recomendo adquirir seguros com coberturas maiores do que o valor mínimo.

Esse tipo de socorro chama “translado médico” e é uma das opções de qualquer seguro, mas para que ela seja útil o valor de cobertura da apólice tem que ser compatível com uma operação como essa.

Seguro de cruzeiros cobrem Covid-19?

Essa é a pergunta que todo mundo tem feito ultimamente: todo seguro protege contra Covid-19?

Infelizmente, a resposta é não: seguros de viagem que oferecem proteção contra Covid-19, ou reembolso de gastos envolvendo quarentena (quando positivo antes do embarque), custam mais, por isso são seguros específicos e fica a seu critério contratá-los ou não.

Para contratar um seguro de viagem para Argentina que cubra Covid-19 (ou gastos com quarentena), você precisa escolher uma opção que mostre, claramente, as palavras “Covid” ou “Quarentena” (ou ambas se você deseja proteção e reembolso para ambos os casos).

Como conseguir desconto em seguro de viagem para cruzeiros

Para conseguir desconto em seguro de viagem ou você é cliente de um corretor de confiança ou acompanha as promoções de buscadores e comparadores de preços.

Esses buscadores funcionam como centralizadores de descontos em um só lugar, mas geralmente as promoções acontecem nas semanas que antecedem feriados e datas comemorativas importantes, como Halloween e Black Friday.

Lembrando que o blog tem um desconto de até 15% para quem acessa o Seguros Promo por um de nosso links, mas sempre que houver cupom maior disponível eu anuncio no @rodeiviagens.

Conclusão: seguro de viagem para cruzeiros

É essencial viajar com um seguro de viagem contratado, especialmente quando essa viagem internacional envolve um cruzeiro, onde os gastos em caso de necessidade de atendimento são exponenciais.

Lembre-se que ao fazer a busca por um seguro de viagem para cruzeiros, seja em um comparador de preços como o Seguros Promo ou através de um corretor, você deve buscar por um seguro no destino de onde zarpa o navio, a opção “marítimo” como destino só deve ser usada em cruzeiros nacionais.

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já cotou o seu cruzeiro? Eu indico a Luciana, uma agente de viagens especializada em cruzeiros. Peça um orçamento sem compromisso, comprei todos os meus com ela e recomendo!

  Já contratou seguro de viagem? Seguro é essencial, principalmente em tempos de Covid! O comparador Seguros Promo oferece pelo menos 10% de desconto para leitores do blog e ainda parcela no cartão - e se você ainda não sabe qual seguro escolher, leia isso!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip internacional com internet ilimitada de verdade - e através do link do blog você leva pelo menos 15% de desconto!

  Para alugar carro no Brasil e no exterior pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez na Rentcars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português!

Previous Article

Quanto custa uma viagem a Nova York? Como calcular passo a passo

Next Article

Hotéis baratos em Times Square: onde ficar e quais escolher

You might be interested in …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*