Para começar a rodar em Barcelona

Atualizado em 22 de novembro de 2017 por Thiago Khoury

Barcelona é capital da Catalunya, a Espanha dos descolados!

Horário: quatro horas a mais | Língua: Catalão | Moeda: Euro | Emergência: 112 (número padrão de emergências da União Européia, atendimento em diversas línguas)

Oi: Hola | Tchau: Adéu | Por favor: Si us plau | Obrigado: Gràcies

Consulado: Av. Diagonal 468, 2º. Fone (93) 488.2288

Sites turísticos do país, da cidade, do transporte público e do aeroporto internacional.

Ligação a cobrar para o Brasil via Embratel discando 900 990055 ou use um chip internacional.

barcelona-25-280909-34

Para começar a rodar em Barcelona

Como é o clima em Barcelona

Não tem o que discutir, em Barcelona sol é indispensável. O verão é ótimo, mas fico com o outono: em setembro a cidade faz aniversário e durante uma semana várias praças, praias e parques comemoram todas as noites com shows, feiras e fogos!

+ Setembro é a melhor época para visitar Barcelona

Dinheiro em Barcelona

O turismo cultural em Barcelona é extremamente caro quando comparado com outras metrópoles europeias. Alimentação também não é nada barata se você gosta de sentar e comer uma refeição completa em vez de ficar apenas beliscando.

Uma dica valiosa é aproveitar os pratos combinados do almoço que são fartos e baratos – e em Barcelona vi os “menus de mediodía” serem servidos all day long.

Espanhol não é um povo que paga gorjeta. Se o serviço vier incluso você provavelmente estará em uma região turística. O mesmo acontece com táxis: basta não fazer cara de americano para não pagar nenhum euro a mais.

+ A arte de se alimentar na Espanha

Como é o transporte público em Barcelona

O transporte público em Barcelona é um dos mais baratos da Europa. Um tíquete que possibilita dez viagens dentro da zona um sai por menos de 8 euros. Apesar do preço, a qualidade do transporte é invejável, não só dos trens como também das estações.

Você provavelmente usará apenas o metrô em sua viagem por Barcelona – caso não se incomode de caminhar vez ou outra, principalmente quando for à praia. Confesso que ainda não me aventurei pelas linhas de ônibus da cidade.

Dicas de hospedagem em Barcelona

Sempre disse que Barcelona sofre de um mal terrível: as paredes de lá parecem de papel. Tanto em hotéis quanto em albergues você consegue ouvir uma agulha que caia no quarto ao lado.

Gosto de me hospedar próximo a praça Catalunya em hotéis que possuam boas críticas e um preço razoável, sem se preocupar com luxos. Em Barcelona hotéis de uma e duas estrelas costumam ser mais completos que os de Paris e Roma.

+ Um ótimo lugar para se hospedar em Barcelona

Segurança em Barcelona

Existem algumas regiões perigosas depois do anoitecer, principalmente próximo as grandes avenidas com tráfego intenso, como a Parallel. Não se esqueça que Barcelona é uma cidade extremamente vibrante onde as pessoas bebem muito, por isso, saindo da balada, o conselho é pegar um táxi.

A região próxima ao Monumento a Colombo também não é das mais agradáveis depois de certa hora – prefira sempre a parte alta das Ramblas!

Passeando a noite por essa região você deixará de ver os artistas de rua e passará a ver muchas putanas, só não permita ser tocado, principalmente por quem se oferece muito sem muita cerimônia: nem sempre elas estão atrás de programa, muitas vezes uma carteira mal guardada é o que elas querem.

Comer e se divertir em Barcelona

É de se esperar que em uma cidade que preze pela cultura do beliscar seja difícil comer sozinho. Em Barcelona é muito fácil encontrar pequenas porções com vários tira-gostos (o que eles chamam de “tapas”) e comê-los com cerveja. O preço varia de acordo com tipo de petisco que você escolhe, mas não é nada muito caro.

Sim, cerveja. Sangria é uma bebida tipicamente espanhola servida em festas com o intuito de deixar as pessoas bêbadas em pouco tempo e por um preço significativamente baixo. Espanhol nenhum pede sangria em mesa de bar.

Cuidado com os restaurantes tipicamente turísticos: “qualidade” não é o forte dos bares e lanchonetes das Ramblas.

E é claro que você irá experimentar ao menos uma paella, independente do seu gosto por frutos do mar: paella é um prato de arroz que pode ou não conter peixe. Você raramente encontra paella em porções reduzidas e é claro que as melhores não são as mais baratas.

Turismo em Barcelona

Você é muito bem recebido quando chega à cidade pelo aeroporto internacional de Barcelona: ele é prático, grande e um dos mais bonitos da Europa. De lá você parte para as praças Espanya e Catalunya no “frescão” espanhol, o Aerobus, por um preço camarada.

Com relação as Ramblas é impossível chegar a um consenso: uns gostam, outros não. Claro que não é o melhor da cidade, mas hospeda algumas maravilhas como o Boqueria, o Liceo e o Viena.

Sobre as praias da cidade, saiba desde já que é impossível encontrar maravilhas naturais – mas o que tem de gente bonita é desumano. Sobre isso falamos depois, mas adianto que gosto de todas, até de Barceloneta, a mais conhecida delas.

Com relação à língua, não acredite no mito do castelhano em desuso: ele é extremamente bem-vindo.

Ah, quase me esqueço: acostume-se com a ideia de estar visitando uma cidade onde nudez é permitida em qualquer lugar e a qualquer hora do dia.

Update: 17 de maio de 2011

A partir do dia 29 de maio passa valer a lei aprovada no último dia de abril proibindo nudismo e semi-nudismo nas ruas da cidade.

Bem-vindo a Barcelona!

Salvar

Salvar

4 comentários sobre “Para começar a rodar em Barcelona

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

*