Cirque du Soleil em Las Vegas: Zumanity

Atualizado em

Zumanity é pequeno, intimista e deliciosamente despretensioso. Não é pedante, é legitimamente engraçado e consegue o impossível: ficar no limiar exato entre a sacanagem e o bom-tom.

Quando o fundador da trupe canadense recebeu a proposta de criar dois novos espetáculos em Las Vegas, a primeira coisa que passou pela sua cabeça foi criar algo diferente daquela irritante perfeição que se tornou marca registrada da empresa. Ao criar mais do mesmo um espetáculo acabaria roubando o público de outro, e assim nasce a proposta de fazer de Zumanity “o outro lado do Cirque du Soleil”.

Como a única condição do New York New York foi receber um espetáculo “trendy”, Zumanity acabou virando a primeira apresentação circense direcionada para o público adulto.

Quando pensei em um espetáculo “adulto” criado para o público americano em um hotel enfaticamente chamado de New York New York, jamais poderia esperar aquilo que vi no palco.

Ah, antes de continuarmos, você irá perceber que O se tornou em minha memória um enorme amontoado uniforme de saltos na piscina, já Zumanity consigo guardar cada ato como parte de uma história lógica e linear.

O espetáculo, que acontece em um palco baixo e circular com ares de cabaré, começa com a apresentação da hostess da noite, Mistress of Sensuality, um travesti de dois metros de altura que interage constantemente com a plateia.

Depois de um turbilhão de falsas pétalas de rosa por toda a plateia, o primeiro número já mostra o que esperar da noite: duas asiáticas nadam semi-nuas dentro de uma enorme taça de champanhe. Nadam e dançam e se esfregam de um jeito que beira a naturalidade. Por pouco a gente não conseguiria ver sacanagem ali.

Bem, mais ou menos: sou um sujeito que adora essa pegada com tom sacana e dificilmente veria sacanagem em um espetáculo circense, mas confesso que Zumanity não é para todos. Dito isso, vale dizer que ninguém levantou e saiu antes do fim do show.

Metade da graça está em entender as rápidas piadas em inglês, porque são elas que fazem você entender o verdadeiro sentido de estar ali – que é, provavelmente, perder as inibições. Zumanity é hilário, humor de muito bom-gosto e com participações da plateia que a gente chega a duvidar da aleatoriedade da escolha. É tudo tão linear e exponencial que o espetáculo termina com um enorme bacanal no palco e ainda sim sem “descer do salto”.

Chega a ser divertido apostar quando eles irão pesar na mão, o que simplesmente não acontece.

Os palhaços de Zumanity também são um espetáculo a parte. Sim, sou rabugento, não vejo graça alguma em palhaço, mas os “terapeutas sexuais” Dick e Izzy são inexplicavelmente bons: nunca vi tanta naturalidade para falar de sexo – o momento auge é a explicação de como aumentar os seios usando whisky envelhecido.

As duas cantoras principais caminham entre as apresentações e com timbre de Tina Tuner roubam parte do show. Como Zumanity nunca foi gravado em DVD, no final do espetáculo o CD com a trilha sonora sempre esgota antes dos últimos deixarem o teatro.

É difícil apontar o que mais gostei, mas fico entre os palhaços, o bacanal final, a dança erótica e a “passista” africana que interage com o fauno.

Ah, como não: Zumanity começa logo na entrada. Chegue vinte ou trinta minutos antes, tome uma cerveja, socialize. Faça parte do espetáculo.

Se você não entende inglês ou se tem pudores e preconceitos vale mais pegar um feijão com arroz do que partir logo para a sobremesa; que é deliciosa. E não engorda.

Zumanity

Zumanity

No New York New York, entre U$ 70 e U$ 125

Existe um desconto de 25% para quem apresenta carteirinha de estudante/boleto de faculdade brasileira. Outros descontos online não eliminam taxas de conveniência

Geralmente 19:30 e 22:00. Sem apresentações nas quartas e quintas

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar em Las Vegas? Harrah’s é baratinho e super bem localizado, em frente o famoso Caesar Palace. Leia também o meu post com dicas de apartamentos com cozinha em Las Vegas.

  Já contratou o seguro de viagem? Seguro é essencial nos Estados Unidos! O buscador Seguros Promo oferece até 10% de desconto para leitores do blog, além de parcelar em até 12x no cartão. Se tiver alguma dúvida, fale comigo!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip americano com internet ilimitada de verdade – e através do nosso link exclusivo você leva 10% de desconto! Se precisar, entre em contato comigo.

  Para alugar carro nos Estados Unidos pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez através da Rent Cars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português e dividem em até 12x no cartão ou com desconto no boleto.


Sobre

Sou mineiro de Belo Horizonte, onde nasci e moro. Nem toda viagem é trabalho, mas depois do blog todo trabalho virou viagem! Se quiser receber os últimos posts do blog e minhas dicas no WhatsApp é só adicionar (31) 98263.3937 aos seus contatos e mandar um "alô" para ativar o robô do blog!


'Cirque du Soleil em Las Vegas: Zumanity' não tem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Gostaria de deixar um comentário?

Seu endereço de email não será publicado.

*

Rodei Viagens 2010 - 2019. Todos os direitos reservados. Colabore com o blog! | Orgulhosamente hosted pelo DreamHost