Pulinho saindo de Epcot: International Gateway com Boardwalk

Você que já veio caminhando da França em direção ao Reino Unido, em Epcot, já deve ter notado esse caminho que separa os dois países:

epcot-102-international-gateway

Imagem em destaque pertence ao orlandoinformer.com. Todos os direitos reservados

+ Índice com todos os posts de Orlando para preparar a sua viagem!

O que muita gente não sabe é que Epcot é o único parque da Disney que conta com duas entradas oficiais em regiões opostas do parque: a principal, em frente a atração Spaceship Earth, e essa que fica entre a França e o Reino Unido na outra metade do parque, o pavilhão de países do World Showcase.

epcot-107-international-gateway

Eu posso passar por essa segunda entrada de Epcot?

Sim, você pode entrar ou sair do parque passando por qualquer uma dessas duas entradas. Mantendo o seu ingresso em mãos, ou MagicBand no punho, você pode passar pela catraca do mesmo parque no mesmo dia quantas vezes quiser sem pagar nada a mais por isso.

epcot-104-international-gateway

Passando pelas catracas dessa segunda entrada a primeira coisa que a gente vê é o barco que chega dos hotéis mais próximos

E se eu caminhar por ali, passar pelo toldo verde e continuar caminhando, onde chego?

Bem aí você chega em um dos meus lugares prediletos em Orlando, o calçadão de madeira do hotel Disney’s Boardwalk, um dos melhores do complexo Disney e o único que tem um distrito de entretenimento só seu com restaurantes, bares e baladas.

Peguei minha câmera e aproveitei um fim de tarde para mostrar o que você pode esperar de lá, mesmo que não se hospede no Boardwalk e mesmo que não vá a Epcot, até porque você também pode chegar ali simplesmente atravessando a recepção do Boardwalk ou de outros quatro hotéis da Disney:

epcot-111-international-gateway

E olha que hotel é uma coisa que não falta pelo caminho: assim que a gente começa a caminhar é só olhar para a direita que a gente vê, do outro lado o lago, o Disney’s Beach Club e o Disney’s Yacht Club lado a lado…

epcot-110-international-gateway

… e o Swan e o Dolphin depois, os dois únicos hotéis operacionados por outra empresa, no caso a rede Starwood, porém em terras que pertencem a Disney – inclusive eu adoro essa história, me cobrem que conto depois, prometo transformá-la em capítulo de Game of Thrones.

epcot-113-boardwalk

Bem, vamos parar de olhar para o lado e vamos começar a olhar para frente.

Se logo depois de passar pelas catracas você for margeando o lago pela direita irá passar pela praia do Disney’s Beach Club, mas se você continuou a esquerda estará indo em direção ao calçadão de madeira do Disney’s Boardwalk, um distrito de entretenimento da Disney que não é Disney Springs.

epcot-116-boardwalk

E a primeira atração que aparece, depois de passar por uma capela onde as pessoas realmente se casam (e pagam caro por isso!), é o bar da ESPN, que é uma ótima dica de sports bar desde que você não vá com a pretensão de assistir jogos em tempo real – para você ter uma ideia, durante a Copa de 2014 era comum eles transmitirem jogos da Copa de 2010.

Juro. Imagina minha cara quando vi Robinho correndo no campo.

epcot-117-boardwalk

Disney’s Boardwalk foi inaugurado em 1996 em frente ao Crescent Lake, esse lago que passa pela ponte de Epcot e desce para a World Showcase Lagoon. Só que o que vim mostrar aqui não é o hotel, é o calçadão de 400 metros inspirado naquela outra passarela de madeira americana: Coney Island em Nova York: é cafona, mas eu gosto.

epcot-118-boardwalk

epcot-119-boardwalk

Essa é a famosa padaria de lá ,considerada por muitos a melhor da Disney

epcot-126-boardwalk

O antigo Kouzzina que foi dignamente substituído pelo italiano Trattoria al Forno

epcot-127-boardwalk

O gramado do hotel bem no meio do calçadão

epcot-128-boardwalk

É muito comum os hóspedes alugarem bicicletas para famílias

epcot-129-boardwalk

De barco a gente pode ir em direção aos outros quatro hotéis da região e a entrada de Epcot e Hollywood Studios

epcot-132-boardwalk

Esse clima praiano com essas enormes casas de veraneio recebem centenas de quartos e muitas opções de entretenimento que funcionam todas as noites.

Claro que como o clima sugere a gente sempre encontra também aquelas mesmas atrações que encontraria passeando por Coney Island em Nova Iorque, como artistas de rua, cartunistas e músicos, mas os bares e restaurantes da orla do hotel são alguns dos melhores da Disney.

epcot-133-boardwalk

Big River serve comida americana para almoço e jantar. Flying Fish Cafe serve frutos do mar. Trattoria al Forno já pintou por aqui, serve comida italiana. Atlantica Dance Hall é uma balada para maiores de 21. Se não me falha a memória, com o fim das boates de Pleasure Island essa passou a ser a única balada renascente em todo o complexo Disney.

Se eu estiver errado, por favor, alguém me corrija.

Jellyrolls não abre todas as noites, mas nos fins de semana sim e durante o verão provavelmente de segunda a segunda. Também para maiores de 21 anos, é um “dueling piano bar”, que além de divertido é também muito engraçado. Como essas “baladas” não cobram entrada eu adoro dar uma passadinha depois do jantar, principalmente no Jellyrolls.

epcot-134-boardwalk

O prédio que tem quartos com vista para o lago

epcot-135-boardwalk

Jellyrolls do lado esquerdo e o Atlantic Hall ao fundo

epcot-136-boardwalk

Bem em frente ao Atlantic Dance Hall

epcot-137-boardwalk

E a parte do Jellyrolls visto de lado

epcot-138-boardwalk

Como vocês podem ver dá para ir caminhando tranquilamente para todos os hotéis e os caminhos são bem sinalizados, mas são passeios diferentes: se você quiser conhecer algum restaurante do Beach Club, do Yatch ou do Dolphin and Swan eu sugiro que você pegue o carro, ou um transporte da Disney – sair de Epcot sem rumo, passar pelos outros quatro hotéis caminhando e voltar para o parque pelo mesmo caminho pode levar o dia inteiro!

epcot-139-boardwalk

Essas próximas fotos foram tiradas voltando pelo mesmo caminho que fui e mostram o ESPN Club, o Dolphin lá no fundo e o primeiros quartos do Beach Club Resort para quem chega caminhando por Epcot:

epcot-140-boardwalk

epcot-144-international-gateway

epcot-145-international-gateway

Lembrando que se você não paga pelo novo transporte expresso que passa pelos quatro parques, e que a gente ainda não sabe se realmente veio para ficar ou não, a única forma de sair de um parque e ir para outro e fazendo um pit stop antes em qualquer hotel Disney.

Esse pulinho em um dos hotéis do International Gateway de Epcot é a forma mais rápida e a única gratuita de sair de Epcot e partir para outro parque da Disney.

Salvar

Outras dicas do blog para programar a sua viagem:

  Já sabe onde ficar em Orlando? Fiz uma lista de opções nos arredores da Disney. Leia também todas as minhas experiências relacionadas a hospedagem em Orlando.

  Já contratou o seu seguro de viagem? Cote as melhores opções de uma só vez pelo buscador do Seguros Promo que parcela em até 12x no cartão. Leitores do blog ainda levam 5% de desconto com o cupom RODEI5, aproveite!

  Você consegue viajar sem celular? Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip de celular internacional com internet ilimitada. Se tiver alguma dúvida, entre em contato comigo!

  Para alugar carro na Flórida pelo menor preço pesquise em todas as locadoras de uma só vez através da Rent Cars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português e dividem em até 12x no cartão ou com desconto no boleto.


Sobre

Sou mineiro de Belo Horizonte, onde nasci e moro. Sou jornalista, trabalhei com assessoria de comunicação e fui repórter de turismo. Nem toda viagem é trabalho, mas depois do blog todo trabalho virou viagem! Sou @rodeiviagens no Insta.


'Pulinho saindo de Epcot: International Gateway com Boardwalk' não tem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Gostaria de deixar um comentário?

Seu endereço de email não será publicado.

*

Rodei Viagens 2010 - 2017. Todos os direitos reservados. Termos de uso e política de comentários. Colabore com o blog!